sexta-feira, 1 de junho de 2012

GRITO CIDADANIA


Na marcha das vadias
Marias, Bias, Fernandas,
Mães, tias, filhas, sobrinhas,
Só querem o respeito do dia-a-dia...

Que defeito tem usar roupa curta?
Vestido, short, saia...
Sai dessa, deixa de ser machista!
Veja o visual e curta

A mulher faz parte da natureza
Veja e saiba admirar a beleza
Tantas cores
Juntas ou separadas
Negras, brancas, amarelas...
Brasileiras, africanas, asiáticas,
Europeias, Américas, oceânicas...

Não são só direitos iguais
Mas também liberdade moral
Pensar, comer, falar...
Vestir, ir, vir, amar...

Na marcha das vadias
O grito é cidadania
O se vestir é opcional
De burca ou seminua
Em casa ou na rua...

Não interessa!
O poder da decisão não pode ficar nas mãos de boçais
Vermes rastejantes que pensam que é gente
E podem destruir sonhos inocentes...

Na marcha das vadias
Marias, Bias, Fernandas,
Mães, tias, filhas, sobrinhas,
Só querem o respeito do dia-a-dia...


MAURO ROCHA 28/05/2012

2 comentários:

✿ chica disse...

Adorei o nome e a motivação dele.Crianças sabem das coisas! Linda poesia! abraços,chica

Sônia disse...

Perfeito Mauro! É isso aí, respeito em primeiro lugar.


Abraço!