quarta-feira, 10 de agosto de 2011

SONHOS DENTRO DO SONHO

A estrada parece perdida
A chuva parece invisível
Sigo as estrelas
Sigo o caminho para casa

Todas às vezes que fecho os olhos
Sinto o vento
Escuto teus cabelos ao vento
Sigo o caminho para casa

Teu corpo salgado lembra-me o mar
Vejo as pedras desvio dos espinhos
Sinto dor em meus pés
Sigo o caminho para casa

Ao meu lado um anjo peralta
O cheiro de chuva trás saudades tua
Sigo o arco-íris
Estou perto de casa

O coração já sangrou
Os olhos já choraram
O corpo ficou
Sobe a alma...

MAURO ROCHA 09/08/2011





3 comentários:

Pat. disse...

Lindo poema querido Mauro!

Um Beijo fraterno

Evanir disse...

Encontrei seu blog no blog .Orvalho do Céu .
Mauro seus poemas são lindos e na verdade tudo que mais amo é poesia.
Estou seguindo seu blog convido a conhecer o meu.
Bjs no coração,,Evanir,,

Bandys disse...

Ao meu lado um anjo peralta
O cheiro de chuva trás saudades tua
Sigo o arco-íris
Estou perto de casa


Adorei!

Um belo dia pra voce e um beijo
no seu ♥