quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

ALHURES

Procuro a tempestade louca
Que encharque toda a minha roupa
Que atravesse a cidade
No abismo da noite...

Meu pecado é original

Procuro castelos com tuas torres
Lancelot
Cansado de aventuras
Só quer deitar no colo de sua Guinevere

Meu pecado é original

As sombras do mundo
Andam pela praça feito um velho sem graça
No cardápio da vida já andei nas gostosuras
Do pecado da gula...

Meu pecado é original

Procuro a tempestade louca
Que atravessa a alma
Que chega ao coração
Aquela desenhada no papel...

Que caminha nas linhas da mão
O caminho traçado pelos meus demônios
Para encontrar os anjos...

Meu pecado é original

As sombras do mundo
Andam de pirraça
No cardápio da vida já cometi loucuras
No doce pecado da luxúria...

Meu pecado é original

Procuro a tempestade louca
Seduzida pela tua boca
Nos sussurros da paixão
A loucura do amor...

Meu pecado é original...

MAURO ROCHA 14/02/2012

4 comentários:

Sonia disse...

Muito bom o poema! Sua filha tem toda razão! rs...ficou ótimo!


Abraço!

Kumbuka disse...

Muito desejo, mta inspiração! Parabéns

Pelos caminhos da vida. disse...

Linda procura Mauro.

Bom fim de semana.

beijooo.

Hugo de Oliveira disse...

Bonito texto Mauro.


Abraços
de luz e paz