terça-feira, 20 de outubro de 2009

MESTRE

Saber e ser sabido
E o tempo é nosso amigo
E por falar nele, lembro-me da tia do jardim
E de tudo que aprendi a parti daí

E de todo saber que nos deixa admirado
Pois quem não passou por um banco de escola,
Não sabe e nem tem história
Da primeira paixão ou a admiração do professor

E quem é esse ser tão iluminado?
É aquele que nos ilumina com suas palavras
É aquele que nos conduz nas escolhas
É aquele que nos torna verdadeiros humanos


Por isso o verdadeiro professor
Aquele que tem por sua profissão paixão e amor
Aquele que nos faz sentir saudade dos tempos de classe
Esse ser iluminado pode ser, com carinho, chamado de Mestre

E será sempre chamado de Mestre todo professor
Que sabe e é sabido
Que sabiamente é nosso amigo
E por toda essa lição digo: Obrigado Professor!

MAURO ROCHA 15/10/2009

3 comentários:

paula barros disse...

Mestre é o professor que ensina muito mais que o conteúdo programático, é aquele que tem um olhar que olha o aluno na sua essência, o que transmite conteúdos para a vida.

abraços

Amanda disse...

Basta o discípulo ser igual ao seu mestre, não é mesmo Mauro.

Muito bom.

Estou seguindo seu blog com muita satisfação.

Beijos em versos!!!

Majoli disse...

Mauro, que jeito mais puro de se referir ao professor, mostrando o verdadeiro significado dessa profissão, eu como sou professora me senti homenageada e honrada com tão bela poesia.

Beijos meu querido.