quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

EMOÇÃO, GRITO, PAIXÃO

Cravo no crivo
Vivo
Verde e Rosa
Beija-Flor
Na avenida inteira
Salgueiro
Minha Imperatriz Leopoldinense
Nesse Império Serrano
Passa ano ensaiando
Na Vila Isabel
O carnaval começa no chão
E chega ao céu...

Sambas, alegorias, paixão
Estácio majestoso Estácio
De Sá sabe cantar
Na Mocidade Independente de Padre Miguel
No meio da Sapucaí
A luz, a multidão, a emoção
Dos Acadêmicos do Grande Rio...

Unidos...
Da Tijuca
Do Viradouro
Do Porto da Pedra
No carnaval dos sonhos
Ano após ano
O coração palpita
Portela
Nesta apoteose
Todas elas
Escolas do coração
Na Sapucaí
Na quarta-feira de cinzas
Da redenção a glória
Mas o que importa é a paixão...


MAURO ROCHA 18/02/2009


16 comentários:

Luciana disse...

Oi Mauro, muito bom essa tua postagem bem diferente sobre carnaval.

Obrigada pelo comentário e o filme A Casa De Cera é bem legal de assistir eu adoro filmes de terror e suspense.

Um belo dia pra ti.

Abraços

Ana Paula disse...

"Carnaval, desengano
Deixei a dor em casa me esperando
E brinquei e gritei e fui vestido de rei
Quarta-feira sempre desce o pano"...

Me lembrou a bela música do Chico!
Lindíssimo, como sempre.
Abraço.

Luciana disse...

Mauro, eu tenho o filme Tristão e Isolda em DVD, ele é um filme que não é cansativo de assistir, é uma história de amor suave e ao mesmo tempo triste, tem dois filmes que eu adoro que é Ben Hur e E o vento levou, qualquer dia ele aparece no meu Blog, pois já assisti tanto filme que tem que ser um de cada vez.


Abraços e obrigada pelo comentário e pela visita sempre bem vinda.

paula barros disse...

Sim, para quem está torcendo, vibrando, sambando, que vive o ano todo esse carnval, é isso, paixão, gitro, emoção, delírio, muito suor, é vida!


abraços

Carla disse...

que olhar magnífico que encanta até quem não gosta muito do Carnaval, como é o meu caso
beijos e bom Carnaval

Clarice Lis disse...

Poeta, parece até que estou na Sapucai!
Bom carnaval para você!

Bandys disse...

Mauro querido,
linda homenagem, as escolas aqui do Rio, já sai no Salgueiro e na Mangueira, agora to quietinha, esperando quem vai ganhar!!

Lindo!!Adorei

beijos

Lampejos disse...

Poeta Mauro,


...e nesta apoteose de palavras,
esta homenagem ficou belíssima!


Bom domingo de carnaval ou de descanso!...



(a)braços,flores,girassóis:)

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Lindo poeta, passei para desejar um bom domingo e encontro esta preciosidade aqui.
beijos

[ rod ] disse...

O carnaval que flui e desce ladeira... que grita e deixa um corpo mole... é agito cultural!!!

Abçs meu caro,






Novo Dogma:
fluTuar...


dogMas...
dos atos, fatos e mitos...

http://do-gmas.blogspot.com/

Nyna disse...

E o Brasil respira carnaval, inclusive a sua digna poesia.
Estou de volta =]
Beijos.

€ster disse...

Olá!!

€stou passando nos blogues amigos para convidá-los a participar da Blogagem Coletiva sobre “INCLUSÃO SOCIAL” que acontecerá no próximo dia 09/03/2009.

Ficarei muito feliz de poder contar com sua participação!
Se for participar, por gentileza, deixe um recado no blog Esterança.

Desde já, muito grata!

€ster

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Você fez do carnaval uma poesia sublime.
Postei, vá por lá se tiver tempo.
beijos

Dilberto disse...

Uma gostosa visão carioca do carnaval! Também falo dele no meu espaço, juntamente com teu herói de avatar, Coringa! Gostei muito de teu espaço, especialmente de "Tempestisidade"! Abração!

Dilberto disse...

Uma gostosa visão carioca do carnaval! Também falo dele no meu espaço, juntamente com teu herói de avatar, Coringa! Gostei muito de teu espaço, especialmente de "Tempestisidade"! Abração!

f@ disse...

Olá Mauro,

sempre o verde e rosa... en canto de beija flor...

Beijinhos das nuvens