quinta-feira, 30 de abril de 2009

HISTÓRIA EM QUADRINHOS

_Que custa?
_Degusta!!
_Mas essa minha volúpia...
Não tenho culpa,
Tenho apreço...
_Como seria?
_Da janela...Penso como seria
Tua poesia
Tuas mãos frias
Tua pele quente...
_Sente...
_Que loucura!!
_Qual o sabor??
_Do amor?
_Dá paixão!
_De tempestade...A tarde...No horizonte
Os olhos fechados
O corpo molhado
O doce tesão...
_Nossa...Nunca ouvi nada igual.
Você é real?
_Sim...
Apenas delirante
Romântico talvez
Amante de tua natureza...
_E do amor o que me contas?
_Corre por entre as veias...Estanca.
Embriagante,
Sedutor feito a noite...
_Feito você?
_rsrsrs,Não!!
Sou apenas um admirador de tua beleza
Sou apenas escravo de tuas fraquezas
Apenas adoro degustar tua flor encima da mesa...
_Degusta...

MAURO ROCHA 30/04/2009








8 comentários:

Bandys disse...

Hummmm Mauro, delicioso!

Beijos e um otimo feriado. Adorei.

Beijos

paula barros disse...

Achei instigante, sensual, provocante.

Muito diferente, criativo.

bom final de semana!

Lampejos disse...

...

“Degusta” sim.
... e sentir o perfume da tua flor imbriagante.

Impetuoso e belo, Poeta Mauro.

[obrigada]


Bom feriadão para nós..

(a)braços,flores,girassóis:)

Sabrina Mata disse...

Degusta e vivencia o paladar do desejo... que delicia!
Gostei...

Canto da Boca disse...

Degustamos, em cima de onde e qual superfície for!

Poeta, o livro é obra e mérito da Cherry e da Loba (estão linkadas em meu blog), foram essas meninas lindas quem deram corpo e voz ao livro, deram a cara à tapa, buscaram a editora, negociaram tudo. Apenas contribuímos com os textos, o que é uma honra.
O mérito é dessas duas pérolas, vai lá ver o que elas escrvem.
Bom final de semana, um abraço!

Cristiana Fonseca disse...

Poeta Mauro Rocha, tu escreves e nós degustamos.
Achei o máximo esta poesia.
Abraços,
Crisfonseca

Zek disse...

Uau a menina Fê vai adorar esse poema, um convite a degustação!!

abs

Felina disse...

Que história você descreve e eu imagino