segunda-feira, 5 de julho de 2010

ENTRELINHAS E COTIDIANOS

Abri o livro
Palavras agitadas
Ouvi um disco
Guitarras assustadas

Rabisco paralelepípedos
Disfarces, sorrisos
Dentro de casa, na loja ou na padaria
Há um ar de poesia

Cato folhas no chão
_Está frio, eu sei!
Mas o outono está no coração...

Hoje não é um dia qualquer
Nenhum dia é um dia qualquer
Nenhuma noite é uma noite qualquer
_ Sabe por quê?

Porque o dia traz surpresas
Porque a noite traz estrelas
Porque há sempre um sorriso escondido
Porque há sempre um amor, um amigo...

E você se olha no espelho
E nunca acha que está bem
Mas quando abre a porta e absorve o mundo
Sempre há alguém

Que nota o seu olhar
Que mexe com seu caminhar
Que você nem percebe
Que com você sempre mexe...


Abri o livro
Palavras assustadas
Ouvi um disco
Guitarras agitadas...

MAURO ROCHA 05/07/2010

9 comentários:

Marilu disse...

Meu querido amigo, belíssimo poema..adorei...Beijocas

Pelos caminhos da vida. disse...

Lindo, lindo poema.

O blogger deve estar em pane hoje, os comentários meus não estão sendo registrados no blog, o seu tb está assim?

beijooo.

Pelos caminhos da vida. disse...

Lindo, lindo poema.

O blogger deve estar em pane hoje, os comentários meus não estão sendo registrados no blog, o seu tb está assim?

beijooo.

ღPat.ღ disse...

Por mais triste que esteja um dia, um raio de sol, um sorriso, uma palavra, um olhar é capaz de mudar tudo!

Beijos querido poeta, encanto de poema!

Carla disse...

que se acalmem as guitarras e adocem as plavras
beijos em desalinho

[ rod ] ® disse...

Poesia certa a hora do agora. O dia sempre traz surpresas, como estas, e sempre pede um pouco mais... a sinceridade do ler. Abs meu caro!

Noslen ed azuos disse...

Oi poeta,este poema é muito, como sempre por aqui, pode virar uma letra de música com solos de guitarra.

Abraço
NS

Mari Amorim disse...

que beleza,hens?
Boas energias,
Mari

Grupo Cero VersoB disse...

Rabisco paralelepípedos
...
há um ar de poesia

e se nos deixamos respirar
é Ela quem nos leva.

O Grupo Cero VersoB agradece o espaço nos versos e reversos.
Belo blog! São importantes espaços assim de expor a poesia.

saudações poéticas,