quinta-feira, 5 de junho de 2008

VIOLETAS

O dia chegar
E minha vida passa como um cometa
Estou seguindo o meu olhar
A noite estou em outro planeta
Sei que ás vezes quero me matar
Noutras procuro minha face direita.


O dia vai chegar
E o que procuro está a esquerda
Justamente no teu olhar
Este modo de organizar o meu planeta...
Ajeito a casa, faço o mercado, preparo a mesa
Para um belo jantar
Com você de sobremesa...

Porque o dia vai chegar
Com o sol brilhando nas violetas
Postas na janela do teu olhar
Essa porta aberta do teu planeta.


28/09/1999 MAURO ROCHA

Um comentário:

Clarice Lis disse...

Poeta Mauro, ainda bem que você ouviu seus poemas e os trouxe para cá. Gostei tanto da violeta.