quinta-feira, 15 de maio de 2008

SILÊNCIO PLENO

Ontem vi o mar em plena solidão
Jogando estrela na areia
Com o vento na contramão...


Hoje vi minha mão segurando tua mão
Seu movimento feito sereia
O silêncio ofegante de tua respiração...


Ontem tive
Hoje bem-te-vi
Amanhã ser feliz...


MAURO ROCHA 26/12/2000

2 comentários:

paula barros disse...

"Ontem vi o mar em plena solidão
Jogando estrela na areia
Com o vento na contramão..."
Lindo demais!

Queria ver uma pessoa e poder cantar feito os bem-te-vis. (esse é um dos meus sonhos)

abraços

Poeta Mauro Rocha disse...

Paula, que bom que gostou!!